top of page
  • Foto do escritorRochelle Affonso Marquetto

Saúde mental: o que é, importância, transtornos e como cuidar


saúde mental artigo

A saúde mental é um pilar essencial do bem-estar humano. 


Ela promove nosso equilíbrio emocional, psicológico e social, além de nos possibilitar utilizar plenamente nossas capacidades cognitivas e comportamentais.

Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), os transtornos mentais afetam cerca de 10% da população mundial. 


Isso significa que aproximadamente 720 milhões de pessoas em todo o mundo estão sofrendo com essa realidade nesse exato momento.


Mas afinal, como cuidar da sua saúde mental e por que isso é tão importante?


Vamos falar sobre isso a seguir, acompanhe!


Qual a importância da saúde mental?


Ao cuidar da saúde mental você estará cuidando da sua saúde geral. 

Uma mente saudável fortalece o corpo, enquanto o descuido emocional pode levar a problemas físicos graves.


Por exemplo, a depressão aumenta o risco de problemas como diabetes, doenças cardíacas e derrames. 


Ao negligenciar a saúde mental, várias áreas da vida podem ser comprometidas:

  • Desempenho profissional e acadêmico: dificuldades de concentração e motivação podem afetar a produtividade e o sucesso.

  • Relacionamentos pessoais: problemas de saúde mental levam a dificuldades de comunicação e isolamento social.

  • Saúde física: existe ligação direta entre a saúde mental e condições físicas como doenças cardíacas, diabetes e obesidade.


Assim, a importância de cuidar da saúde mental vai além da prevenção de distúrbios; ela é um investimento na qualidade de vida e no bem-estar a longo prazo.


Quais são os transtornos de saúde mental?


Transtornos de saúde mental são condições que afetam de várias formas a vida das pessoas. 


Cada transtorno tem suas particularidades, impactos no cotidiano e requer abordagens diferentes para tratamento.


Portanto, é necessário falar sobre alguns dos problemas mais comuns e como tratá-los:


Depressão


A depressão atinge cerca de 300 milhões de pessoas no mundo.

Ela gera sentimentos persistentes de tristeza, perda de interesse em atividades prazerosas, alterações no apetite e no sono, cansaço e falta de concentração.


De acordo com a OMS as mulheres são duas vezes mais propensas a ter depressão em comparação aos homens.


A depressão pode ser tratada com terapias baseadas em diálogo e, em alguns casos com antidepressivos​​.



terapia online

Transtorno Afetivo Bipolar


A bipolaridade ou transtorno afetivo bipolar é marcado por extremas mudanças de humor, energia e níveis de atividade do indivíduo.


Em alguns casos essa alteração de humor pode refletir em períodos de grande euforia ou irritabilidade (fase maníaca) alternados com episódios de profunda tristeza ou desesperança (fase depressiva), por exemplo.


Hoje, estima-se que cerca de 140 milhões de pessoas no mundo enfrentam o problema. 


Ela também é considerada uma das principais causas de incapacidade.

Em geral, o tratamento é feito com medicamentos estabilizadores de humor e apoio psicossocial. 


Transtornos de Ansiedade


A ansiedade, em suas diferentes formas, é outro grupo de transtornos mentais recorrente. 


Ela pode variar desde ansiedade generalizada até transtornos de pânico e fobia social.

Embora seja uma reação natural do organismo, quando não controlada, pode virar um transtorno que afeta nossa qualidade de vida.


O Brasil é a população mais ansiosa do mundo, segundo a OMS, com cerca de 9,3% dos brasileiros sofrendo com o problema.


O tratamento inclui terapia, medicamentos e mudanças no estilo de vida. Além disso, adotar hábitos saudáveis como exercícios físicos, práticas de relaxamento e manter uma rotina de sono são recomendados para ajudar no controle da ansiedade.


Transtornos do Desenvolvimento na Infância e Adolescência


Incluem condições como o Transtorno do Espectro Autista (TEA) e o Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH). 


Entre 50% a 75% dos transtornos mentais começam na infância ou adolescência.  


Dessa forma, é fundamental identificar e tratar esses transtornos antes que se agravem na fase adulta.


Como cuidar da saúde mental?


É possível evitar transtornos e cuidar da saúde mental com práticas simples aplicadas ao seu dia a dia:



  • Praticar Exercícios Físicos:


Ao praticar atividade física diariamente, você contribui para o equilíbrio emocional, reduz o estresse, melhora a qualidade do sono e fortalece sua saúde mental como um todo. 

Além disso, a prática regular de exercícios físicos ajuda a aumentar a autoestima, a concentração e pode até mesmo auxiliar no combate à depressão e outros transtornos psicológicos. 


Portanto, incluir a atividade física em sua rotina diária é fundamental.



  • Alimentação Equilibrada: 


Uma alimentação pobre em nutrientes pode afetar sua saúde mental. 

As deficiências nutricionais contribuem para sintomas de ansiedade, depressão e outros distúrbios psicológicos. 


Por outro lado, uma dieta equilibrada e rica em ômega-3, vitaminas como B12 e D, e minerais como ferro e zinco, ajudam na prevenção desses problemas.


Muitos nutrientes como ácidos graxos, ômega-3 e magnésio, presentes em alimentos como peixes, vegetais folhosos e sementes, estão associados à regulação do humor, função cognitiva e bem-estar emocional.


Por isso são tão importantes.



  • Qualidade do Sono: 


Dormir bem é essencial para a saúde mental. 


Um estudo da Harvard Medical School mostrou que pessoas com insônia tendem a desenvolver sintomas de ansiedade e depressão com mais frequência.


Uma solução para muitos é criar uma rotina de sono regular e um ambiente propício ao descanso, como manter o quarto fresco, escuro e silencioso.


Além disso, é importante evitar telas eletrônicas antes de dormir e praticar relaxamento, como a respiração profunda, para melhorar a qualidade do sono.



  • Meditação e Mindfulness: 


A prática da meditação ajuda a manter a mente focada no presente, reduz a ansiedade e acalma o estresse. 


Além disso, manter um estado de atenção plena (mindfulness) é uma prática que melhora sua capacidade de lidar com emoções difíceis no cotidiano​​.



  • Praticar o Amor-Próprio:


Dedique um tempo a si mesmo para reconhecer suas qualidades e realizar atividades que goste. Pode ser escutar uma música, ler um livro, ou apenas relaxar.


O importante é seguir saudável sempre, e não deixar outras atividades sobrecarregarem sua rotina.


Hoje muitas pessoas estão ansiosas, depressivas ou com outros problemas de saúde mental por não darem atenção a essa prática simples.


Conclusão: Priorize sua Saúde Mental com a Pontual Psiquiatria


Cuidar da saúde mental vai te ajudar a ter uma vida muito mais leve, equilibrada e gratificante.


Sabemos que em alguns casos, a ajuda profissional é extremamente necessária.


Por isso, a Pontual Psiquiatria oferece soluções especializadas e personalizadas para cuidar da sua saúde mental com dedicação e profissionalismo.

Agende sua consulta e inicie uma nova fase de cuidado integral de sua saúde mental.


1.102 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page