top of page
  • betinadavila

Fobia Social: Você Sabe o que é? Vamos Descobrir!


capa fobia social

Quem nunca sentiu aquele friozinho na barriga antes de uma apresentação ou ao entrar em uma festa cheia de desconhecidos? É normal ficar nervoso de vez em quando.


Mas e se esse nervosismo for constante e intenso? Aí podemos estar falando de fobia social. O Congresso Brasileiro de Psiquiatria divulgou que a fobia social já acomete cerca de 13% dos brasileiros, totalizando 26 milhões de pessoas.


Então, vamos descobrir mais sobre o tema: “fobia social, o que é?”


Índice:


Fobia Social em Detalhes


A fobia social, ou transtorno de ansiedade social, não é aquela timidez básica de todos nós. É um medo intenso de situações sociais. Quem que passa por isso teme ser julgado ou se sentir humilhado em público.


Isso pode incluir:

  • Aquele pânico de falar em público

  • A sensação de ser "a pessoa nova" em eventos

  • Evitar comer onde as pessoas estão olhando

  • Fugir de puxar papo com desconhecidos


E o impacto disso? Bem, pode mexer com nossa rotina, trabalho, estudos e até mesmo com nossos relacionamentos.


Mas Por Que Isso Acontece?


A origem da fobia social é um mix de coisas:


  • Química do Cérebro: Às vezes, nosso cérebro apronta umas pegadinhas com a gente.

  • Vivências Passadas: Bullying ou outras experiências chatas podem deixar marcas.

  • Personalidade: Algumas pessoas são naturalmente mais reservadas, o que pode contribuir.


E Agora, como tratar a fobia socia?


Se identificou com o que falamos até agora? Calma! Isso tem solução:


  • Terapia: Sessões de terapia com um profissional pode ajudar a entender e controlar esses sentimentos.

  • Medicação: Alguns medicamentos podem ajudar, mas é sempre bom conversar com um médico antes.

  • Técnicas Zen: Meditação, como o mindfulness e a respiração profunda são ótimas aliadas.

  • Desafie-se: Comece aos pouquinhos, enfrentando situações que causam desconforto. Você vai ver que a cada vez fica mais fácil!


Os Sintomas mais Comuns da fobia social


Você se reconhece em algum dos sintomas abaixo? Pessoas com fobia social geralmente apresentam:

  • Tremores ou voz trêmula

  • Suor excessivo

  • Rubor (ficar vermelho sem motivo)

  • Náusea ou desconforto estomacal

  • Evitar contato visual

  • Sensação de "mente em branco" em situações sociais


Casos Famosos de Fobia Social


Você não está sozinho! Até algumas celebridades, como o ator Johnny Depp e a cantora Barbra Streisand, já relataram lutas contra a fobia social. Eles são prova de que é possível superar e brilhar mesmo com desafios emocionais.


Muitas vezes, a gente olha para essas estrelas brilhando nos palcos e nas telas e pensa que eles são imunes a essas questões, mas a vida deles é tão humana quanto a nossa. A verdade é que a fobia social não escolhe profissão, status ou holofotes.


Diferenças entre Timidez e Fobia Social


"Ah, é só timidez!" Nem sempre. Enquanto a timidez costuma causar um leve desconforto em situações sociais, a fobia social é intensa e pode realmente interferir na vida diária de alguém.


Pense assim: a timidez é como entrar em uma piscina fria e demorar um pouquinho pra se acostumar, mas eventualmente você se solta e curte. A fobia social, por outro lado, é como estar na beira dessa piscina, mas sentir que há uma barreira invisível te impedindo de entrar, não importa o quanto você queira.


Enquanto uma pessoa tímida pode acabar se aquecendo e se enturmando, alguém com fobia social pode se sentir preso pelo medo, mesmo desejando fazer parte do grupo.


A Tecnologia e a Fobia Social


Com o boom das redes sociais e chats online, muitas pessoas com fobia social encontraram alívio e uma maneira de se conectar.


Porém, cuidado! Essa conexão virtual não deve substituir as interações face a face; ela é mais um complemento, uma ferramenta de apoio.


Sabe o que é interessante? Muita gente sente que por trás das telas, a pressão diminui. Os emojis, memes e GIFs podem fazer as vezes das expressões faciais e das nuances da conversa. É quase como ter uma capa de super-herói digital!


Mas, assim como na vida real, equilíbrio é a chave. Enquanto a tecnologia pode ser um refúgio, também é essencial arriscar um "olá" no mundo real de vez em quando. Porque, acredite, nada supera um abraço ou uma conversa olho no olho!


Estratégias de Enfrentamento à Fobia Social


Além das terapias e medicamentos, há pequenas estratégias que podem ajudar no dia a dia:

  • Treinar em casa: Pratique discursos ou conversas em frente ao espelho.

  • Acompanhamento: Leve um amigo ou familiar de confiança para situações que podem ser desafiadoras.

  • Lembretes positivos: Mantenha notas ou imagens que inspirem confiança à vista.

A ideia aqui não é buscar a perfeição, mas sim progredir. Mesmo que você se sinta como um peixe fora d'água, cada pequeno passo é uma vitória! Todo mundo tem seu ritmo.


Então, vá no seu, e celebre cada conquista, por menor que pareça. Acredite: progresso, não perfeição!


Histórias Inspiradoras para ajudar quem sofre com Fobia Social


Muitos já trilharam o caminho da superação. Blogs, filmes e livros compartilham experiências de quem viveu com fobia social e encontrou maneiras de passar por ela.


Livros recomendados:


  • "O Poder dos Quietos" de Susan Cain: Este best-seller internacional, traduzido para o português, aborda a importância e o potencial dos introvertidos em um mundo que valoriza a extroversão.


  • "Como Fazer Amigos e Influenciar Pessoas" de Dale Carnegie: Embora este livro não trate exclusivamente de fobia social, ele considera habilidades interpessoais e a comunicação eficaz. Carnegie fornece dicas práticas sobre como se aproximar das pessoas, iniciar conversas e construir bons relacionamentos. Para quem tem fobia social, as estratégias abordadas no livro podem ser um ponto de partida útil para superar medos e construir confiança nas interações sociais.


Filmes que abordam o tema:


  • "As Vantagens de Ser Invisível": Este filme, que tem tradução e distribuição no Brasil, gira em torno de um adolescente que enfrenta desafios relacionados à saúde mental enquanto tenta se adaptar ao ambiente escolar.


  • "Divertida Mente": Uma animação encantadora da Pixar que, apesar de não focar exclusivamente na fobia social, explora as emoções de uma menina em meio a mudanças em sua vida, trazendo reflexões sobre ansiedade e adaptação.

Tente se inspirar nessas histórias para trazer mais conforto e dicas práticas pra sua vida.


Concluindo...


Então, agora que você sabe mais sobre o tema: “fobia social, o que é”, saiba que está tudo bem pedir ajuda! Todos nós temos nossos momentos e desafios.

E aí, gostou do post? Compartilha com os amigos e fica de olho em nosso blog para mais dicas e conversas.














8 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page