top of page
  • Foto do escritorRochelle Affonso Marquetto

O que é o TDI? Saiba tudo sobre o Transtorno Disruptivo da Desregulação do Humor!


capa o que é tdi


Quer saber o que é TDI? Vamos te contar, vem com a gente!


Esse é um transtorno de saúde mental relativamente recente, identificado principalmente em crianças e adolescentes.


Caracteriza-se por irritabilidade crônica severa e episódios frequentes de comportamento explosivo desproporcional ao contexto ou provocação. 

Imagine, por exemplo, uma criança que tem uma explosão de raiva devastadora porque seu lápis quebrou. 


Tão intenso e frequente que interfere significativamente na vida diária da criança, o TDI é mais do que apenas birras infantis; é uma condição séria que requer atenção.

A seguir, traremos mais detalhes sobre o assunto. 


Continue a leitura!


Como Saber se é TDI: Sintomas e Sinais


Para entender se uma criança tem TDI, precisamos ficar de olho em algumas coisas importantes que acontecem com ela. Veja só:


  • Fica muito irritada o tempo todo: A criança parece sempre brava ou irritada, e isso não passa, não é como aquelas mudanças de humor normais de quando se é criança.

  • Crises de raiva grandes demais: Às vezes, ela tem ataques de raiva muito fortes, que não combinam com o que aconteceu. Por exemplo, ela pode gritar muito ou jogar coisas por algum motivo bem pequeno.

  • Problemas na escola ou em casa: Esses momentos de raiva ou irritação atrapalham em como a criança se sai na escola, em casa ou com amigos.


O que é TDI – Entenda as Causas 


Depois de saber o que é TDI, é bom entender por que ele acontece. A verdade é que ninguém sabe exatamente o motivo, mas os especialistas acham que é uma mistura de várias coisas:


  • Fatores biológicos: Isso tem a ver com os genes da criança (como ela é por dentro) e com o jeito que o cérebro dela funciona. Alguns estudos mostram que crianças com TDI podem ter cérebros que lidam de um jeito diferente com a irritação e a raiva.


  • Ambiente Familiar e Social: O que acontece em casa pode afetar muito uma criança. Se há muitas brigas, se os pais são muito rígidos ou se falta uma rotina diária clara, tudo isso pode contribuir para que a criança desenvolva TDI. Em resumo, um lar cheio de estresse e confusão pode ser uma causa importante. 


  • Problemas na Mente e Emoções: Se na família da criança existem familiares com problemas de saúde mental como depressão ou transtornos de ansiedade, isso pode influenciar.


Agora que discutimos as possíveis causas do TDI, é importante destacar como esse transtorno se manifesta ao longo da vida e como ele se relaciona com outras condições de saúde mental.


  • Vamos dar uma olhada em um estudo bem interessante que encontramos:


Pesquisadores analisaram 2.413 pessoas, de crianças a adultos mais velhos, para entender melhor o TDI, esse transtorno de humor sobre o qual ouvimos tanto. 


Eles descobriram que 0,50% dos adultos e 0,79% das crianças em idade escolar apresentavam sintomas intensos do transtorno.  Além disso, quem tem DMDD muitas vezes enfrenta desafios maiores com depressão e ansiedade. 


E para os adultos, isso pode estar relacionado a ser solteiro, divorciado ou até mesmo desempregado. São dados que nos fazem pensar e refletir sobre o impacto do DMDD na vida das pessoas.


Com essas informações em mente, vamos falar agora das opções de tratamento para o TDI.





Métodos de Tratamento para o TDI


Quando o assunto é de cuidar do TDI, há várias maneiras de ajudar a criança, pensando não só nela, mas também no seu ambiente. 

Vamos olhar mais de perto o que pode ser feito:


  • Terapia Comportamental (TCC): Essa é uma das melhores formas de tratar o TDI. Na terapia, a criança aprende como controlar a raiva. Ela aprende a perceber quando está começando a ficar brava e procura maneiras de se acalmar. Os terapeutas também ajudam os pais a entender como agir quando a criança tem um comportamento difícil.


  • Remédio: Em alguns casos, o médico pode indicar remédios para ajudar com os problemas do TDI. Em geral, essa orientação é feita para a criança se sentir mais calma ou menos irritada. Mas é muito importante que isso seja feito com cuidado e seguindo as orientações do médico.


  • Ajuda na Escola: O que a escola faz também conta muito. Professores e orientadores podem ajudar muito as crianças se sentirem melhor e mais apoiadas na escola, como dar mais tempo para fazer as tarefas ou um lugar calmo para ir quando estiver se sentindo mal.


  • Terapia com a Família: Às vezes, é bom tratar o problema junto com a família toda. Nessa terapia, todo mundo aprende a se entender melhor e a resolver as dificuldades sem briga. Isso cria um lar mais tranquilo, o que é bom para a criança.


  • Atividades de Relaxamento e Hobbies: É legal incentivar a criança a fazer atividades que ela gosta e que a deixam relaxada. Pode ser desenhar, tocar música, fazer algum esporte, ou qualquer coisa que a faça se sentir bem.


A Importância de Buscar um Especialista para Tratar o TDI


Quando se trata de TDI, é super importante procurar um especialista, como um psiquiatra ou terapeuta. Vamos explicar direitinho por quê:


  • Entender Melhor o que é TDI: Primeiro, o TDI é um transtorno que muita gente ainda não conhece direito. Então, é fácil confundir com só mau comportamento ou birra. Um especialista sabe diferenciar o que é TDI de verdade e o que não é.


  • Tratamento Específico: Cada criança é única, e o TDI não é diferente. Um especialista pode criar um plano de tratamento que é perfeito para o que a criança precisa. Isso pode incluir terapia, conselhos para a família, e até remédio, se for necessário.


  • Evitar Problemas Maiores: Ignorar os sinais do TDI ou tentar lidar com eles sozinho pode deixar as coisas piores. Sem o tratamento certo, o TDI pode atrapalhar muito a vida da criança - na escola, em casa, e com os amigos.


  • Apoio e Orientação: Ter um especialista para ajudar significa que você não está sozinho nessa. Eles podem te dar conselhos e apoio, e te mostrar o melhor caminho para ajudar seu filho.


O que é TDI – Conclusão


Então, falamos bastante sobre o que é TDI, como saber se alguém tem e o que dá para fazer para ajudar.


O mais importante é saber que tem jeito de lidar com isso. Com as informações certas e ajuda, dá para melhorar muito a situação.


Se você viu esses sinais do TDI em seu filho ou em alguma criança por perto, o melhor é buscar ajuda. O primeiro passo é falar com um médico ou terapeuta que entende sobre o que é TDI e como tratar.


  • Hora de Agir:


Se está preocupado, não deixe para depois. Se acha que seu filho ou uma criança que você conhece pode estar lidando com o TDI, a Pontual Psiquiatria pode te ajudar. 


Nossos especialistas entendem tudo sobre o que é TDI e estão prontos para apoiar vocês. Tratar cedo faz toda a diferença.


Fale com a gente agora e vamos começar a trabalhar juntos para que seu filho tenha uma vida mais tranquila e feliz.


15 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page