top of page
  • Foto do escritorRochelle Affonso Marquetto

Desenvolvimento infantil: a importância da família para o desenvolvimento socioemocional das criança


Desenvolvimento infantil a importancia da familia para o desenvolvimento socioemocional das crianças

A partir do nascimento, as primeiras interações da criança basicamente são com pessoas da família. Esses contatos iniciais são fundamentais para garantir o bom desenvolvimento infantil.


É por meio da observação de seus familiares e cuidadores que a criança constrói habilidades sociais e entende melhor os acontecimentos à sua volta.


Os laços que mantém uma família unida, como amor, cuidado e respeito é o que cria autoconfiança e prepara os pequenos para a vida futura, envolvendo tanto o campo pessoal quanto o profissional.


Quer entender melhor como você pode contribuir para o bom desenvolvimento do seu filho? Acompanhe esse artigo até o final.

Boa leitura!



A importância da presença familiar desde o nascimento para o desenvolvimento infantil


Nas fases iniciais da vida, a família é a principal responsável pelo bem estar físico e emocional de seus filhos. O ambiente familiar pode ter impacto positivo ou negativo na vida de uma criança a depender das situações vivenciadas.


Portanto, para que seu filho tenha um bom desenvolvimento, é preciso acompanhar seu crescimento desde o nascimento. Entenda que a demonstração de afeto e carinho desde a primeira infância influencia diretamente na formação de personalidade das crianças.


Além disso, demonstrar sentimentos como amor, cuidado e respeito impacta também no seu crescimento cognitivo.


Assim, ao incluir brincadeiras, contar histórias, cantar músicas e levar as crianças para passear, você contribui para a ampliação da capacidade do seu filho de processar informações, aumentar habilidades perceptivas e aprimorar seu raciocínio, fala e amadurecimento do cérebro.



Os principais valores aprendidos no ambiente familiar e seu impacto no desenvolvimento infantil


À medida que a criança cresce, ela começa a entender o que é certo e errado. Nesse aspecto, os primeiros valores que vão nortear as ações da criança são aprendidos dentro de casa.


Lembre-se que seu filho aprende observando o que os adultos fazem. Portanto, quando uma criança vê os adultos tratando outras pessoas bem, com respeito e educação ela passa a modelar seus comportamentos de acordo com esse padrão.


Outro ponto, é que como pai, mãe ou responsável é fundamental manter um diálogo aberto com as crianças sobre o que são bons valores e como eles são importantes tanto na infância quanto na fase adulta.


Inclua atividades que reforce esses valores, como ensinar a agradecer, organizar o quarto, ser honesto, solidário, demonstrar empatia e ter senso de ética e justiça.



A importância do sentimento de segurança durante o crescimento das crianças


A criança já nasce totalmente dependente e vulnerável. Ao perceber essa situação ela liga seu estado de alerta e busca meios de se sentir segura e confortável. Sobre esse aspecto, entenda alguns pontos:


  1. Bebes e crianças choram: eles estão buscando suprir suas necessidades e ainda são muito imaturos para se expressar corretamente. Portanto, a criança depende muito dos pais para suprir suas principais necessidades, como alimentação, abrigo, vestimentas, higiene.

  2. Senso de segurança: É pelo cuidado dos adultos que a criança passa a desenvolver seu senso de segurança, tanto física quanto emocional. Assim, estabelecer horários para dormir, tomar banho e se alimentar faz com que elas passam se sintam seguras e confortáveis, pois observam o comprometimento dos pais com suas principais necessidades.


Habilidades que as crianças desenvolvem com a ajuda da família


Dentre as habilidades que a criança pode desenvolver com a ajuda da família, estão as habilidades motoras, a comunicação, a possibilidade de se expressar, como ouvir e falar, a criatividade e a inteligência emocional.


Grande parte dos ensinamentos relacionados a essas habilidades cabem à família. Embora algumas crianças iniciem cedo sua vida escolar, o trabalho que os pais realizam em casa para desenvolver essas habilidades tem alta eficácia e não deve ser substituído apenas pelos aprendizados da escola.


Cuidados básicos como andar, sentar, segurar um objeto, parecem tão simples, mas devem ser bem trabalhadas para que seu filho tenha um bom desenvolvimento.


Quanto ao desenvolvimento das habilidades emocionais, é nos pais que as crianças buscam entender os altos e baixos da vida. Para desenvolver a inteligência emocional de seu filho é importante ensiná-lo a superar desafios e lidar com os resultados de suas escolhas.


Como a família pode ajudar a criança a desenvolver sua vida social


A boa interação familiar dará ao seu filho ferramentas para seu desenvolvimento interpessoal. O primeiro passo é ensinar a criança a ter autopercepção e consciência de que faz parte de uma coletividade.


A inserção dos filhos em grupos sociais, como a escola ou grupos de esporte, fará com que ela tenha contato com outras pessoas e passe para uma nova fase de aprendizados e descobertas.


Nesse sentido, para o desenvolvimento da identidade social da criança é preciso que ela também tenha interação com outras pessoas fora do ambiente familiar, como professores e coleguinhas.


Portanto, na família a criança aprende mais por modelação, observando e muitas vezes imitando seus pais. Já no contexto escolar e social a criança complementa suas habilidades e aprende a trabalhar em equipe, tomando consciência de seu papel e senso de responsabilidade.


Quanto ao desenvolvimento social, os pais não devem deixá-lo apenas a cargo da escola ou outras instituições. Desse modo, como forma de aprimorar as habilidades sociais, você pode incluir as seguintes atividades na rotina da criança:

  • Incentive seu filho a participar de brincadeiras em grupo com outras crianças

  • Evite o uso excessivo de smartphones e computadores

  • Escute seu filho e converse sobre o que é empatia e respeito ao próximo

  • Ensinando a criança a lidar com as adversidades


Conclusão


O envolvimento dos pais em todas as fases da vida da criança é o que define o bom desenvolvimento infantil.


O apoio dos pais é o que promove a confiança das crianças para resolver as dificuldades que surgem na vida. É fundamental mostrar-se presente, especialmente se seu filho enfrenta algum problema emocional, preconceito ou estigma.


Ao educar seus filhos sobre crenças e valores e prepará-los para entender essas adversidades, eles conseguem manter sua autoestima elevada e passam a ter mais controle sobre suas emoções, evitando doenças como ansiedade, depressão e outros transtornos.


Se você gostou desse conteúdo e quer entender mais sobre saúde mental, te convidamos a seguir nossas redes sociais.

22 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page