top of page
  • Foto do escritorRochelle Affonso Marquetto

Psicologia Clínica: O Que É, Como Funciona e Quando Procurar Ajuda


psicologia clínica

A mente humana é uma das partes mais fascinantes do nosso ser. Ela é responsável por pensamentos, emoções, decisões e comportamentos. No entanto, assim como todo nosso corpo físico, a mente também pode sofrer desequilíbrios.


É aí que entra a psicologia clínica, uma especialidade focada em ajudar pessoas a entender e tratar questões psicológicas.

Essa é uma área que está em expansão. De acordo com o jornal americano The New York Times, uma pesquisa apontou que nove entre dez terapeutas confirmaram o aumento no número de pacientes.


Vamos te mostrar melhor sobre o que é essa técnica, como funciona e quando é necessário procurar um psicólogo clínico.



O que é psicologia clínica?


A psicologia clínica é uma das áreas da psicologia voltada para o tratamento de problemas emocionais, cognitivos e comportamentais. Ela se baseia na compreensão profunda dos processos mentais e busca entender, diagnosticar e tratar diversos transtornos psicológicos.


Quando pensamos em problemas psicológicos, não estamos apenas falando de doenças mentais graves, como a esquizofrenia ou transtorno bipolar. Muitas vezes, podem ser questões mais sutis como ansiedade, estresse, lutos, conflitos familiares ou problemas de autoestima.



Como funciona a psicologia clínica?


O processo na psicologia clínica começa geralmente com uma avaliação. Nesta fase, o psicólogo clínico realiza uma série de entrevistas e testes para entender a natureza do problema apresentado pelo paciente.


Esse é um momento de escuta ativa importante, onde o profissional tenta compreender as nuances do que o paciente está vivenciando.

Após essa avaliação inicial, estabelece-se um plano de tratamento. Cada pessoa precisa de um tratamento personalizado, pensado nas suas particularidades. Alguns podem se beneficiar de terapias individuais, enquanto outros podem precisar de terapias de grupo ou de casal.


A psicologia clínica se vale de diversas técnicas terapêuticas, como a terapia cognitivo-comportamental, psicanálise, terapia humanista, entre outras. O psicólogo clínico escolherá o melhor método com base nas necessidades de cada paciente.


Quando procurar um psicólogo clínico?


Muitas pessoas hesitam em buscar ajuda na psicologia clínica porque acreditam que seus problemas não são "sérios o suficiente". No entanto, qualquer questão que afete seu bem-estar emocional, suas relações ou seu desempenho diário merece atenção.


Alguns sinais de que pode ser hora de procurar um psicólogo clínico incluem:


  • Sentimentos constantes de tristeza ou desesperança.

  • Ansiedade excessiva ou ataques de pânico.

  • Dificuldades em lidar com o luto ou perdas.

  • Problemas de relacionamento que parecem insuperáveis.

  • Sentir-se sobrecarregado pelo estresse.

  • Problemas de autoestima ou autoimagem.

  • Comportamentos autodestrutivos.


Diferença entre psicologia clínica e psiquiatria


É comum que as pessoas confundam psicologia clínica com psiquiatria, mas são duas áreas distintas, embora relacionadas. A psicologia clínica envolve a avaliação, diagnóstico e tratamento de problemas psicológicos através de métodos terapêuticos. O psicólogo clínico não pode prescrever medicamentos.


Já a psiquiatria é uma especialidade da medicina que trata doenças mentais. Os psiquiatras podem prescrever medicamentos e usar outras abordagens médicas para tratar problemas mentais. Muitas vezes, o tratamento ideal envolve uma combinação de terapia psicológica e intervenção psiquiátrica.


Benefícios a longo prazo da terapia na psicologia clínica


Optar por buscar ajuda na psicologia clínica não oferece apenas alívio imediato para os problemas atuais, mas também traz benefícios duradouros. Alguns destes incluem:

  • Autoconhecimento: A terapia proporciona uma melhor compreensão de si mesmo, das suas motivações e reações.

  • Capacidade de enfrentamento: Aprender estratégias para lidar com situações estressantes, conflitos e adversidades.

  • Melhoria nas relações: A terapia pode ajudar a resolver conflitos e a melhorar a comunicação em relacionamentos.

  • Prevenção: Identificar e tratar problemas psicológicos precocemente pode prevenir que evoluam para questões mais graves.


A importância da escolha do psicólogo clínico


Tal como em qualquer profissão, na psicologia clínica também há variações de técnicas e na experiência entre os profissionais. É fundamental escolher um psicólogo com quem se sinta confortável e que possua experiência relevante para o seu problema específico.


Pesquisar sobre o profissional, entender como ele trabalha e verificar suas credenciais pode ajudar na escolha. Além disso, é importante lembrar que a terapia é uma parceria.


Se, após algumas sessões, você sentir que não está se conectando com seu terapeuta ou não está vendo progresso, é válido discutir suas preocupações ou considerar procurar outro profissional.


Psicologia Clínica – um caminho para o autoconhecimento


Um dos pilares da psicologia clínica é o autoconhecimento. Muitos pacientes procuram a terapia não apenas por problemas específicos, mas pela oportunidade de conhecerem-se melhor.


Através das sessões, é possível descobrir padrões de comportamento, origens de sentimentos e como suas experiências passadas moldaram sua personalidade atual. Esta descoberta interna pode ser libertadora e permitir uma vida mais plena e consciente.


Abordagens Modernas na Psicologia Clínica


Como qualquer outra ciência, a psicologia clínica está em constante evolução. Novas técnicas são desenvolvidas para atender às demandas crescentes e diversificadas da sociedade moderna.


Desde terapias que incorporam realidade virtual até aquelas que exploram a neurociência, os profissionais da área estão sempre buscando as melhores ferramentas para ajudar seus pacientes.


Conhecer as tendências atuais pode ser uma ótima maneira de entender como a psicologia clínica pode ser adaptada a cada caso individual.


Psicologia Clínica e a Importância da Saúde Mental na Sociedade Atual


Nossa sociedade tem testemunhado um aumento nos casos de problemas de saúde mental, e a psicologia clínica tem um papel fundamental na resposta a essa tendência.


Além do tratamento individual, os profissionais desta área têm trabalhado em iniciativas de conscientização, mostrando a importância de cuidar da mente da mesma forma que cuidamos do corpo.


Conclusão


A psicologia clínica é uma área vasta que aborda desde o autoconhecimento até o tratamento de transtornos psicológicos mais profundos.

Ao compreender melhor a mente humana e os recursos disponíveis para cuidar dela, estamos indo ao encontro de uma vida mais equilibrada e saudável. Lembre-se de que buscar ajuda é um sinal de força e autoconsciência, e nunca de fraqueza.


Se você está enfrentando algum transtorno mental ou simplesmente quer ajuda para superar uma fase difícil ou compreender alguma questão, entre em contato e se permita desfrutar dos benefícios da psicologia clínica.


27 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page