top of page
  • Foto do escritorRochelle Affonso Marquetto

Como preservar sua saúde mental no ambiente de trabalho

A pressão por resultados, a competitividade, a falta de reconhecimento e equilíbrio entre a vida pessoal e profissional são apenas alguns fatores que afetam a saúde mental dos trabalhadores.

Neste artigo, discutiremos como preservar sua saúde mental no ambiente de trabalho e apresentaremos algumas estratégias que podem te ajudar a gerenciar o estresse, identificar limites, lidar com conflitos e buscar apoio profissional.


Principais fatores que afetam a saúde mental no trabalho


O ambiente de trabalho é um dos lugares onde passamos a maior parte do tempo, e é natural que as más condições de trabalho afetem a nossa saúde mental.

Abaixo trouxemos uma lista de alguns fatores que podem estar prejudicando sua saúde mental no trabalho:

  • Pressão por resultados: a cobrança de metas e prazos costuma ser algo extremamente desgastante e pode levar a sentimentos negativos, como desânimo e ansiedade.

  • Falta de reconhecimento: quando você não é valorizado ou reconhecido pelo trabalho realizado, isso acaba afetando sua autoestima e motivação.

  • Conflitos Interpessoais: a falta de comunicação, o excesso de competitividade e a falta de respeito mútuo são apenas algumas causas que podem levar a conflitos no ambiente de trabalho.

  • Excesso de trabalho: esse é um problema que pode gerar exaustão física e mental do trabalhador. A falta de tempo livre para atividades de lazer e descanso podem se transformar em traumas psicológicos graves.

Um dos distúrbios mentais que mais crescem por conta dos problemas listados é o Burnout, que afetou 32% da população economicamente ativa somente em 2019, de acordo com uma pesquisa da International Stress Management Association (Isma-BR).


Identifique seus limites e necessidades


Para estabelecer um equilíbrio saudável entre a vida pessoal e profissional, você deve reconhecer seus próprios limites e entender quando é hora de descansar ou pedir ajuda. Algumas práticas diárias também podem te ajudar a estabelecer limites saudáveis no trabalho, como:

  • Definir horários: evitando trabalhar em excesso e respeitando suas horas de lazer;

  • Ter prioridades: realizando tarefas mais importantes e delegando o que for possível;

  • Aprender a fazer pausas: incluir intervalos para tomar um café ou fazer exercícios de respiração ao longo do dia;

Preste atenção aos sinais de seu corpo. Se você perceber que está ficando muito cansado ou estressado, isso pode ser um indicativo de que precisa preservar mais sua saúde mental. A falta de limites no ambiente de trabalho acaba levando a uma série de problemas, como insônia, exaustão emocional, enxaquecas e aumento da pressão arterial.

Aprenda a gerenciar o estresse


O estresse no trabalho pode repercutir em graves doenças físicas e mentais, especialmente quando se transforma em Burnout. Além disso, grande parte dos trabalhadores com alto nível de estresse tem sua produtividade comprometida.

Portanto, entenda que é fundamental gerenciar o estresse para que ele não se transforme em uma bola de neve na sua vida. A seguir, apontaremos algumas atitudes que podem ser implementadas no seu ambiente de trabalho para te ajudar a contornar essa situação:

  1. Não alimente pensamentos negativos

As pressões e conflitos no ambiente de trabalho podem fazer com que você filtre fatos e situações de modo negativo. Evite tirar conclusões precitadas ou sem nenhuma evidência. É comum, por exemplo, pensar que o chefe não está satisfeito com o desempenho ou habilidades dos funcionários. Contudo, essa preocupação nem sempre é comprovada e pode estar infundada. Seu chefe ou colegas de trabalho podem estar passando por outros desafios.


  1. Mantenha uma alimentação saudável no ambiente de trabalho

A alimentação é algo que afeta o nível de estresse que uma pessoa enfrenta. Alimentos ricos em açúcar e cafeína tendem a aumentar a ansiedade e a tensão, enquanto alimentos nutritivos ajudam a manter a energia e reduzem o estresse. Durante seu trabalho, escolha opções saudáveis para o lanche, como frutas, nozes e vegetais. Evite alimentos açucarados e com alto teor de gordura.


  1. Pratique o auto cuidado

É fundamental reservar tempo para o autocuidado. Durante o trabalho, tente incluir atividades de relaxamento, como fazer pequenas pausas para caminhar ou esticar as pernas. Nos intervalos leia um livro, ouça uma música ou pratique a meditação. Encontrar tempo para o autocuidado durante o dia de trabalho vai melhorar seu humor e até mesmo aumentar sua produtividade.

Saiba separar a vida pessoal e profissional


Não saber separar a vida pessoal e profissional pode se tornar um atalho para o estresse e esgotamento. Se você trabalha em casa ou em um ambiente que consome muito tempo e energia, essa situação tende a ser mais preocupante. É fundamental estabelecer limites para que se possa viver em equilíbrio nas duas esferas.

Uma boa saída é definir horários específicos tanto para o trabalho, quanto para a vida pessoal, e tentar cumprir o máximo possível. Além disso, é importante ter um espaço dedicado ao trabalho em casa, se esse for o caso, para que haja separação física entre as duas atividades.

Procure também se desligar do trabalho nos intervalos para o almoço ou nos finais de semana com a família.

Desconecte-se das tecnologias e mídias sociais fora do horário de trabalho


Utilizar de forma excessiva as redes sociais e outras mídias pode trazer complicações em sua saúde, tais como depressão, insônia e isolamento social.

Estudos mostram que o tempo gasto em redes sociais está correlacionado com o aumento do estresse e da insatisfação pessoal. Além disso, desconectar-se da internet durante o tempo livre é altamente benéfico para a saúde mental. A natureza viciante das mídias sociais e outras formas de entretenimento online pode levar à problemas de visão, postura, insônia e afetar a produtividade.

Ao se desconectar por alguns períodos, você experimenta uma sensação de liberdade e relaxamento, o que permite que sua mente descanse e se reconecte com o mundo real.

De fato, ao fazer isso sua mente cria um maior senso de propósito e criatividade, melhorando sua saúde em vários níveis.


Busque apoio profissional


É necessário reconhecer que as condições mentais são complexas e variadas, e buscar ajuda de um profissional treinado e experiente pode fornecer o melhor suporte.

O psicólogo e o psiquiatra são especializados em diagnosticar transtornos mentais e suas respectivas formações. Durante a consulta, o médico leva em consideração não só aspectos biológicos, mas também psicológicos e sociais relacionados. A partir de um histórico clínico e de uma avaliação completa esse especialista pode orientar de forma mais adequada seu paciente.


Conclusão


Não deixe de prestar atenção aos sinais de estresse e esgotamento mental ligados à saúde mental no ambiente de trabalho. Esteja alerta aos primeiros sinais de tensão e esgotamento, para que esses problemas não se transformem em complicações mais graves.

A clínica está sempre pronta para te ajudar nesse processo, oferecendo atendimento especializado.

Siga nossas redes sociais e mantenha-se informado sobre como cuidar da sua saúde mental e bem-estar no ambiente de trabalho. Lembre-se: cuidar da saúde é questão de prioridade e direito!



12 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page